Sexta-feira, 15 de Março de 2013

Tal como combinado regressamos de novo à história: «A que sabe a lua?»

 

Nos dias 13 e 14 recebemos os alunos da Casa de S. José

 

No dia 15 houve uma sessão dupla. Recebemos de manhã mais uma turma da Quinta de Cevadeira e de tarde mais uma turma de meninos da APS.

 

 

E como é obvio mais uma «lua» para provar!

 

Resultado Final:

Considero que com a leitura desta história «A que sabe a lua?» consegui transmitir a estas crianças a mensagem que a mesma me transmite.

No nosso dia-a-dia encontramos obstáculos, mas estes podem ser ultrapassados com a união, amizade, solidariedade, força, querer! Tal como nos mostram as personagens desta história. «Anda, salta para as minhas costas e assim conseguiremos chegar à lua...»

Espero que tenham gostado desta história que «cozinhei» para vocês

 

Até breve!



publicado por cozinhadasleituras às 16:22
Terça-feira, 12 de Março de 2013

Hoje dia 12 de Março de 2013 recebemos uma turma de meninos da Quinta da Cevadeira, com idades compreendidas entre 3, 4 e 5 anos. 

Tal como na sessão anterior foi FANTÁSTICO!

 

No final da história as crianças adoraram a surpresa:Provamos a lua !

Sim, leram bem provamos a lua! Mas, claro está, representada por um bolo!!!{#emotions_dlg.online}

 

 

 

 

 

 

 

Voltamos amanhã com mais novidades{#emotions_dlg.gift}



publicado por cozinhadasleituras às 21:14
Segunda-feira, 11 de Março de 2013

No dia 8 de Março de 2013 realizou-se a primeira actividade na «Cozinha das leituras»!

FOI FANTÁSTICO!

Deslocou-se à Biblioteca Pública Fernando Gomes de Sousa uma turma de meninos da APS, cuja idade média era 5 anos, com o intuito de descobrir:  A que sabe a lua?

Claro que as opiniões foram diversificadas:

O Fábio disse que a lua poderia saber a queijo pois ela por vezes é amarela;

O João Justo disse que poderia saber a rochas e poeiras;

A Maria Carolina considerou que o sabor da lua era idêntico a massa...{#emotions_dlg.lua}

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mas a aventura vai continuar! Nos dias 12, 13, 14 e 15 de Março, aqui na nossa Biblioteca!

Voltarei com novidades!{#emotions_dlg.gift}

 



publicado por cozinhadasleituras às 11:53
Quinta-feira, 03 de Janeiro de 2013



publicado por cozinhadasleituras às 16:56

«De pequenino se torce o pepino», diz a sabedoria popular e pretende-se afirmar com o desenvolvimento do Projecto de Intervenção, na área da leitura, na Biblioteca Pública Fernando Gomes de Sousa, intitulado: «A cozinha das leituras». Consciente que todas as idades são susceptíveis de captar para a leitura considero que se o prazer de ler e o contacto com os livros acontecer nas primeiras aprendizagens as crianças terão mais possibilidades de se tornarem leitores, convictos do gosto e prazer pela leitura e pelos livros.

Na sociedade actual o papel do profissional da informação vai muito para além das suas tarefas habituais tais como, catalogar, indexar, recolher e guardar documentos. Neste sentido, torna-se necessário desenvolver experiências e actividades que, de uma forma envolvente, promovam hábitos de leitura e motivem o interesse pela mesma. O crescimento literário das crianças tem necessidade de iniciativas capazes de proporcionar «o abandono da realidade para entrar no mundo da ficção, de devaneio, do sonhar acordado…»

Foi assim, através da envolvência, que idealizei o Projecto intitulado: «A cozinha das leituras» para entrar noutra «realidade» e transmitir a emoção da leitura em voz alta.

A intenção é despertar nas crianças a importância da leitura e criar os meios necessários para que estas possam dar asas à sua imaginação e, de uma forma diferente, criarem as suas próprias histórias. Para que o efeito se torne real, concebi «uma realidade paralela», um «cenário» que se apresenta como uma cozinha com acessórios reais, os quais permitirão ao seu público-alvo dar asas à sua imaginação e «misturar os todos ingredientes necessários: personagens, como sejam fadas, príncipes ou princesas, reis ou rainhas» e «cozinhar» as suas histórias ou até transformar e recriar «as receitas» originais. Deste modo, ao sabor da imaginação o livro, é o ponto de partida que se vai metamorfoseando num outro livro numa outra história, que vai crescendo com os «ingredientes» que cada criança vai colocando na «panela», mexendo e remexendo com a colher de pau. No fim, depois de bem apurados todos os componentes da receita, nasce uma nova história e quem sabe, um novo desejo de descoberta de outras histórias que estão escondidas nos livros existentes na Biblioteca Pública Fernando Gomes de Sousa. 



publicado por cozinhadasleituras às 16:17

 

 

 

 



publicado por cozinhadasleituras às 16:13
Surge como um projecto de Promoção da Leitura
mais sobre mim
Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


arquivos
2013

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO